PODERIA SER MAIS

  • sexta, 13 julho 2018 00:00
Niltinho teve um duelo 'particular' com Andrey: atacante azulino perdeu muitos gols Niltinho teve um duelo 'particular' com Andrey: atacante azulino perdeu muitos gols Ailton Cruz - Gazeta de Alagoas

CSA se reencontra com a vitória com gol de Walter após 62 dias sem vencer em casa

 

 

Finalmente o CSA voltou a vencer em casa. Foram exatos 62 dias sem conseguir um triunfo perto do torcedor, mas o atacante Walter foi o autor do gol da vitória sobre Sampaio Corrêa, no Rei Pelé, na noite desta sexta-feira, 13.

Na Série B toda vitória é importante e o placar de ‘1 a 0’ é um goleada, mas o time azulino desperdiçou diversas oportunidades de gol. Niltinho foi o jogador que mais desperdiçou oportunidades e em pelo menos duas chances claras poderia ter ampliado o marcador.

Com a vitória, o CSA chegou aos 28 pontos e reassumiu a vice-liderança da competição. O resultado faz o CSA permanecer no G4 mesmo que seja derrotado pelo Fortaleza na próxima rodada. No entanto, o time azulino torce por um tropeço do Fortaleza sobre o Atlético-GO e, se isso acontecer, o CSA joga pela liderança da Série B.

Com a derrota, o Sampaio Corrêa estacionou nos 15 pontos e cai para a zona de rebaixamento, abrindo o Z4 na 17ª posição.

Na próxima rodada, o CSA receberá o Fortaleza, na sexta-feira, 20, ás 21h30, no Rei Pelé. Já o Sampaio Corrêa receberá o Goiás, no Castelão, também na próxima sexta-feira, só que ás 20h30.

O Jogo

O CSA começou o jogo dando a bola para o time maranhense, que buscava atacar. Aos poucos, o CSA conseguia dominar as ações.

O primeiro lance forte foi um contra-ataque azulino, com uma saída com muita qualidade partindo dos zagueiros, passando por Yuri, que acionou Daniel Costa, o camisa 10 virou o jogo e encontrou Rafinha no lado esquerdo, ele avançou, deu um come em  João Paulo Penha e chutou forte, assustando o goleiro Andrey.

Quatro minutos depois, Celsinho cruzou e Daniel Costa perdeu uma fração de segundo para decidir de que forma finalizar, perdeu a passada e bateu fraco para defesa de Andrey.

Já aos 43 minutos, Celsinho criou uma linda jogada pelo lado direito, levou a marcação da zaga e cruzou rasteiro, Walter, no meio da área, sozinho, chutou forte de primeira, vencendo Andrey e abrindo o marcador: 1 a 0.

O tempo final foi um massacre do CSA. Dominou todas as ações, criou chances, desperdiçou oportunidades e permitiu que o Sampaio jogasse por uma bola.

Entre as principais chances, Niltinho foi o destaque. Aos 17 minutos, Niltinho entrou sozinho e em condições de marcar o gol, chutou mas Andrey fez a defesa. Niltinho seguiu tendo espaço mas desperdiçava as chances.

Linda assistência de Ferrugem aos 24 minutos, Niltinho venceu Alyson na velocidade e o camisa 7, deu um toque por cima, tirando de Andrey, mas botou para fora e perdeu uma grande oportunidade para o CSA.

Já aos 39 minutos, o Sampaio assustou. Carlão dominou uma bola e chutou forte, rasteiro, a bola passou muito perto do gol defendido por Lucas Frigeri.

Ficha Técnica

CSA 1x 0 Sampaio Corrêa

Campeonato Alagoano – Fase de Classificação – 14ª Rodada

Local: Estádio Rei Pelé (Maceió-AL)

Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Junior (CBF-PE)

Árbitro Assistente 1: Marcelino Castro de Nazaré (CBF-PE)

Árbitro Assistente 2: Bruno César Chaves Vieira (CBF-PE)

4º Árbitro: Francisco Carlos Nascimento (CBF-AL)

Renda: R$ 99.429,00 Público: 8.394 torcedores (com 6.941 pagantes)

Cartões Amarelos: João Paulo Penha, Jheimy, Esquerdinha (Sampaio Corrêa) Xandão (CSA)

Gols: Walter (CSA) 43’ do 1º tempo

Equipes:

CSA: Lucas Frigeri, Celsinho, Leandro Souza, Xandão  e Rafinha; Yuri; Niltinho, Ferrugem, Didira (Juan)e Daniel Costa; Walter (Dawhan)

Técnico: Marcelo Cabo

Sampaio Corrêa: Andrey, Bruno Moura, Joécio, Maracás e Alyson; Silva, Fernando Sobral (Esquerdinha) e Danilo Pires; João Paulo, Jheimy (Carlão) e Dalberto (Wellington Rato)

Técnico: Roberto Fonseca

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.