NOVO VEXAME

  • quinta, 06 fevereiro 2020 00:00
CSA é derrotado de virada pelo Vitória-ES e está eliminado da Copa do Brasil CSA é derrotado de virada pelo Vitória-ES e está eliminado da Copa do Brasil Vitor Nicchio/Vitórias FC

CSA toma virada do Vitória-ES, repete vexame do ano passado e é eliminado da Copa do Brasil

 

Decepção, frustração, revolta. Sentimentos vivdos pelo torcedor azulino no ano passado quando da eliminação da equipe da Copa do Brasil, na 1ª fase após a derrota para o Mixto se repetiram na noite desta quinta-feira, 6, em Vitória (ES).

Tudo parecia se encaminhar para um momento diferente em 2020. O time começou sufocando o adversário, fez um gol, forçou o goleiro do Vitória a fazer boas defesas e dava a impressão que decidiria o jogo e a classificação a qualquer momento. Mas isto não aconteceu. Aos poucos, o CSA foi perdendo o controle do jogo e o que era otimismo, confiança, passou para absoluta decepção. Ainda no primeiro tempo, o Vitória empatou e no começo da etapa final conseguiu a virada. Vitória 2 x 1 CSA.

Nem o fato de ainda atuar mais de 20 minutos com um jogador a mais, fez o CSA pelo menos chegar ao empatar, resultado que lhe daria a classificação. O time capixaba segurou uma desordenada ‘pressão’, que não surtiu efeito.

O resultado faz o Vitória assegurar a 2ª fase da competição, enquanto, o CSA amarga um novo déjà-vu na Copa do Brasil.

Ficha Técnica

Vitória-ES 2 x 1 CSA

Copa do Brasil – 1ª Fase

Local: Estádio Salvador Costa (Vitória-ES)

Árbitro: Douglas Schwengber da Silva (CBF-RS)

Árbitro Assistente 1: José Eduardo Calza (CBF-RS)

Árbitro Assistente 2: Maira Mastella Moreira (CBF-RS)

4º Árbitro: Rudimar Goltara (CBF-ES)

Renda: R$ 38.915,00  Público: 1.512 torcedores (com 1.389 pagantes)

Cartões Amarelos: Chiquinho, Cássio, Edinho, Lucas Barboza (Vitória-ES) Norberto, Luciano Cástan, Renatinho, Allano, Yago (CSA)

Expulsão: Cassio (Vitória-ES)

Gols: Allano (CSA) 21’ e Cassio (Vitória-ES) 42’ do 1º tempo; Edinho (Vitória-ES) 4’ do 2º tempo

Equipes:

Vitória-ES: Herisson; Ferrugem, Leo Baiano e Lucas Barboza; Cassio, Toni Galego(Ewerton), Igor Pimentel, Rodrigo Cesar e Jeferson; Edinho (Thainler) e Jarles Baiano (Chiquinho)

Técnico: Rodrigo Fonseca

CSA: Caique, Norberto, Alan Costa, Luciano Castán e Rafinha; Yago (Bruno José) e Jean Kléber; Rodrigo Pimpão, Renatinho (Jarro Pedroso) e Allano (Rafael Bilu); Diego Mauricio

Técnico: Mauricio Barbieri

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.