MELHOR ATUAÇÃO

  • domingo, 19 maio 2019 00:00
Mesmo fazendo um ótimo 1º tempo, o CSA foi derrotado pelo Internacional Mesmo fazendo um ótimo 1º tempo, o CSA foi derrotado pelo Internacional Ricardo Duarte - S.C. Internacional

Com atuação forte no 1º tempo, CSA perde oportunidades e é derrotado pelo Internacional

 

Alguns podem até dizer: o CSA jogou como nunca e perdeu como sempre. Mas apesar da derrota por 2 a 0 para o Internacional na Arena Beira-Rio, o CSA fez a sua melhor apresentação na Série A do Campeonato Brasileiro.

A derrota não mostrou uma CSA covarde, sem jogar ou se escondendo na partida. Pelo contrário. Desde o início da partida, o CSA foi reativo, mas com uma marcação mais agressiva marcando até mais alto, diminuindo o campo para o Internacional e ainda com o jogo empatado, o CSA teve pelo menos duas grandes oportunidades de marcar.

No entanto contra um time qualificado, erros não podem acontecer. O primeiro gol do Internacional surgiu de uma linha de passe de D’Alessandro, Iago e com finalização do moderno volante Nonato. No segundo tempo, com menos intensidade, o Inter apostou em chutes de média distância e neste fundamento, destaque para Edenilson, que marcou um golaço: 2 a 0.

Com o resultado, o CSA permanece na zona de rebaixamento e segue com apenas 3 pontos. O time azulino é o 17º colocado mas poderá perder mais duas posições. Já o Internacional chegou aos nove pontos, subiu quatro posições e ocupa a 5ª colocação.

Na próxima rodada, o CSA atuará em casa, no Estádio Rei Pelé. O confronto será contra o Goiás, na 2ª feira, 27, ás 20h. O Internacional jogará no domingo, na Vila Belmiro, contra o Internacional.

O Jogo

Logo aos 7 minutos, o Inter chegou com perigo. Após um escanteio cobrado por D’Alessandro, a defesa rebateu e sobrou para Rodrigo Lindoso finalizou no peito do goleiro Jordi, evitando o primeiro gol do Internacional.

Aos oito minutos, Jordi fez uma linda ligação direta com Patrick Fabiano, ele disputou a bola com Rodrigo Moledo, venceu a marcação do zagueiro do Inter e na saída do goleiro Marcelo Lomba tocou para o gol, mas Lomba deu um tapinha e conseguiu evitar o gol azulino.

O CSA seguiu melhor. Carlinhos fez jogada individual dentro da área, driblou a marcação e chutou de bico. Marcelo Lomba fez uma grande defesa evitando mais uma vez o gol do time azulino. O Inter respondeu aos 30 minutos. Falta de Naldo em nico Lopez na entrada da área e na cobrança, Guerrero bateu para uma defesa importante de Jordi.

Aos 36 minutos, o Internacional criou uma bela jogada com D’ Alessandro. Ele dominou pelo corredor central, derivou para o lado direito e cruzou, trocando de corredor. No outro lado, Iago mandou para o centro da pequena área de cabeça, Nonato atacou o espaço, tocou a bola que bateu no cantinho da trave e entrou. Internacional 1 x 0.

Aos 46 minutos, o Internacional chegou ao segundo gol, marcado por Victor Cuesta. No entanto, a arbitragem consultou o VAR e após detectar irregularidade no lance, indicou o impedimento.

O 2º tempo começou com menos intensidade. As equipes buscavam as trocas de passes para construir jogadas. Somente aos 12 minutos em uma cobrança de falta, Carlinhos bateu sem levar perigo. O Internacional também chegou pouco, mas aos 19 minutos, Edenilson acertou um torpedo de fora da área, bola com força e velocidade

Aos 31 minutos, Carlinhos cruzou e Patrick Fabiano se antecipou a defesa e cabeceou para uma linda defesa do goleiro Marcelo Lomba. Três minutos depois, o CSA encaixou um lindo contra-ataque. Bola para Maranhão e no ponto futuro devolveu a bola para Matheus Sávio, o camisa 10 do CSA chegou dividindo e tocou na bola, caprichosamente, a bola explodiu na trave.

Ficha Técnica

Internacional 2 x 0 CSA

Campeonato Brasileiro – Série A – 5ª Rodada

Local: Arena Beira-Rio (Porto Alegre-RS)

Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (CBF-RJ)

Árbitro Assistente 1: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (FIFA-RJ)

Árbitro Assistente 2: Carlos Henrique Alves de Lima Filho (CBF-RJ)

4º° Árbitro: Jean Pierre Gonçalves (CBF-RS)

Árbitro de Vídeo:  Bruno Arleu de Araújo (CBF-RJ)

Árbitro Assistente Vídeo 1: Elmo Alves Resende Cunha (GO)

Árbitro Assistente Vídeo 2: Silbert Faria Sisquim (RJ)

Renda: R$ 826.205,00  Público: 27.194 torcedores (com 23.249 pagantes)

Cartões Amarelos: Zeca, Victor Cuesta (Internacional)

Gols: Nonato (Internacional)36’ do 1º tempo e Edenilson (Internacional) 19’ do 2º tempo

Equipes:

Internacional: Marcelo Lomba, Zeca, Rodrigo Moledo(Emerson Santos), Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Lindoso, Edenilson e Nonato; D’Alessandro (Serrafiore), Guerrero e Nico Lopez (Neilton)

Técnico: Odair Hellmann

CSA: Jordi, Apodi, Gerson, Luciano Castán e Carlinhos; Naldo e Nilton(Victor Paraíba); Didira, Madson (Maranhão) e Matheus Sávio (Gersinho); Patrick Fabiano

Técnico: Marcelo Cabo

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.