SEGUROU NA BOA

  • quarta, 19 abril 2017 00:00
CRB segurou o Murici e manteve a vantagem para chegar a decisão CRB segurou o Murici e manteve a vantagem para chegar a decisão Jailson Colácio - ASCOM Murici

CRB sai em desvantagem, consegue empate e está a um novo empate da 6ª final consecutiva

 

Murici e CRB empataram por 1 a 1 no primeiro jogo da semifinal do Campeonato Alagoano. A partida entre Murici e CRB foi visivelmente prejudicada pela qualidade do gramado do Estádio José Gomes da Costa. Com alguns jogadores técnicos, o próprio Murici e o CRB são ‘travados’ de praticar um bom futebol.

Os gols aconteceram somente no 2º tempo. Katê fez o gol do Murici em uma penalidade cometida por Neto Baiano. O CRB também empatou com uma penalidade. Neto Baiano bateu com categoria. O lance da penalidade foi discutido. Claudio, zagueiro do Murici, dividiu uma bola com Maxwell, tocou na bola e o jogador do CRB se atirou.

Com o empate, o CRB está mais perto de assegurar a sua sexta final consecutiva. Para isso, o Galo precisa apenas de um empate. Para ser finalista, o Murici precisará vencer a partida.

CRB e Murici se enfrentam no próximo domingo, 16h, no Estádio Rei Pelé.

O Jogo

A partida começou em um ritmo alucinante e o Murici deu a impressão que tocaria fogo no jogo. A primeira oportunidade chegou em uma jogada pelo lado e que o atacante Katê recebeu em condições de finalizar, mas ele se atrapalhou com a bola e desperdiçou o lance. O Murici ainda teve outra oportunidade. No entanto, neste outro lance houve uma irregularidade não marcada. Paulo Victor entrou em condição irregular, foi ao fundo de cruzou. Diogo chegou para desviar de calcanhar, mas não conseguiu o toque.

Já o CRB teve como melhor oportunidade uma jogada individual criada por Chico, que ao entrar na área, bateu forte pelo lado de fora do trave.

No segundo tempo surgiram os gols.  Logo aos 3 minutos surgiu o primeiro gol.  Após uma bola alçada na área, Neto Baiano subiu com os braços abertos e tocou na bola com a mão. Pênalti para o Murici. Na cobrança, Katê bateu muito mal, mas a bola quicou no gramado irregular tirando a chance de defesa do goleiro Juliano: Murici 1 a 0.

No minuto seguinte, o Murici quase chega ao segundo gol. Danilo penetrou sozinho e chutou firme, a bola passou a direita do gol de Juliano.

 

Após ter sofrido o gol, o CRB melhorou e começou a apertar o adversário. Já com mais volume de jogo – e, até merecendo uma melhor sorte no jogo, o CRB chegou ao gol de empate em uma penalidade inexistente, mas marcada pelo árbitro da partida. O zagueiro Claudio dividiu na área uma bola com Maxwell e o camisa 3 do Murici tocou a bola, Maxwell se projetou e o árbitro assinalou a penalidade. Neto Baiano bateu com categoria e empatou o jogo.

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.